Atalho para Facebook
Atalho para Twitter
Atalho para Youtube
Atalho para Instagram
Atalho para Facebook
Atalho para Twitter
Atalho para Youtube
Atalho para Instagram
Logotipo da ESMP
espaço

Monday , 03 de december de 2018

Evento sobre o funcionamento das casas de repouso lota auditório do Ministério Público

Cerca de 180 participantes debateram os direitos dos idosos e as instituições de longa permanência
Cerca de 180 participantes debateram os direitos dos idosos e as instituições de longa permanência

Mesa de aberturaO 1° Encontro das Casas de Repouso da Cidade de São Paulo aconteceu na sede do Ministério Público nesta sexta-feira (30/11). O evento reuniu cerca de 180 participantes entre promotores e procuradores de justiça, servidores, estagiário do MP, bem como psicólogos, assistentes sociais, representantes de casas de repouso e sociedade civil.

Na abertura do evento, Tiago Cintra Zarif, coordenador-geral do CAO Cível (Centro de Apoio Operacional Cível e de Tutela Coletiva) desatacou a importância do evento para debater propostas garantam os direitos dos idosos: “esse evento pode produzir efeitos que tragam benefícios e proteção aos idosos”.
“Este ano o estatuto do idoso completou 15 anos com algumas melhorias, mas é preciso avançar mais. A sociedade precisa aprender a respeitar os idosos, pois a experiência e o conhecimento que eles adquirem ao logo da vida é insubstituível”, argumentou Tiago Cintra Zarif. 
O Promotor de Justiça Assessor da ESMP (Escola Superior do Ministério Público) Roberto Barbosa Gonçalves ressaltou o papel da Escola na difusão do conhecimento.
“Produzir conhecimento e, especialmente, disseminar é um papel importante da Escola Superior. A Escola é sempre fortalecida com parceiras com outras instituições de ensino e também com a Procuradoria-geral”, enfatizou Roberto Barbosa Alves.
Participaram da mesa de abertura do evento os promotores de justiça Cláudia Maria Beré (Promotoria de Direitos Humanos), Delton Esteves Pastore (Promotoria de Direitos Humanos), José Roberto de Paula Barreira (CAO-Idoso), as professoras da PUC/SP Bettrina Corte e Flamínia Manzano Moreira Lodovici, a assessora da Secretaria Municipal de Saúde Adriana Palheta Cardoso.
O evento é uma realização do Ministério Público do Estado de São Paulo, das Escola Superior do MP, do Centro de Apoio Operacional de Infância e Juventude e Idoso e da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. O encontro ainda conta com o apoio da Associação Paulista do Ministério Público.

Público assiste ao eventoPromotor Roberto Barbosa discursaPúblico do evento


espaço
espaço

CENTRO DE ESTUDOS E APERFEIÇOAMENTO FUNCIONAL
ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO

Rua Treze de Maio, 1259 - Bela Vista - São Paulo (SP) - CEP: 01327-001 - PABX: (11) 3017-7755/7774/7990

Todos os direitos reservados

 
espaço