Atalho para Facebook
Atalho para Twitter
Atalho para Youtube
Atalho para Facebook
Atalho para Twitter
Atalho para Youtube

espaço

Tuesday , 10 de october de 2017

MPSP e Sebrae se unem contra dependência econômica de vítima de violência doméstica

Acordo de cooperação prevê distribuição de cartilha e oferta de 40 cursos em diversas áreas
Acordo de cooperação prevê distribuição de cartilha e oferta de 40 cursos em diversas áreas

Assinatura de acordo entre MPSP e Sebrae para empreendedorismo de vítimas de violência doméstica

O Ministério Público de São Paulo e o Sebrae-SP vão unir esforços para romper o vínculo de dependência econômica que inibe muitas vítimas de violência doméstica de denunciar seus agressores. Nesta terça-feira (10/10), o Procurador-Geral de Justiça, Gianpaolo Smanio, e o diretor superintendente do Sebrae-SP, Bruno Caetano, assinaram termo de cooperação para que as duas instituições auxiliem as mulheres cadastradas por agentes de saúde a gerar a própria renda. "Esse é um passo importantíssimo", declarou Smanio. "Uma das formas de desenvolver o país é pelo empreendedorismo", afirmou Caetano. 


O acordo, que surgiu a partir de discussões da promotora de Justiça Fabíola Sucasas (assessora do Centro de Apoio Operacional Cível) e dos técnicos do Sebrae-SP, tem a duração de 3 anos. O Sebrae vai imprimir cartilhas para distribuir para as mulheres, além de disponibilizar mais de 40 cursos nas mais diversas áreas.

Acordo entre MPSP e Sebrae para empreendedorismo de vítimas de violência domésticaA agente comunitária de Saúde Mônica Uchoa, que já vivenciou a realidade da violência de gênero em seu próprio lar, fez um depoimento emocionado em favor da iniciativa. De acordo com ela, a questão financeira pesa sim no momento em que a mulher tem de decidir sobre romper o ciclo de violência de que é vítima.

Estiveram na cerimônia de assinatura do termo de cooperação dos subprocuradores-de Justiça José Antonio Franco da Silva (Políticas Administrativas) e Mário Sarrubbo (Políticas Criminais), os procuradores de Justiça Lídia Helena dos Passos (secretária de Integração da PGJ), Roberto Fleury (ouvidor) e Antonio Nery, bem como os promotores Fábio Bechara (secretário-executivo da PGJ), José Carlos Cosenzo (coordenador de Assuntos Estratégicos do MPSP), Luiz Felipe Tegon (CAO Cível), Adriana Cerqueira de Souza (CAO Cível), Levy Emmanuel Magno (CAO Crim) e Fernanda Narezi (CAO Crim).


Núcleo de Comunicação Social

Ministério Público do Estado de São Paulo - Rua Riachuelo, 115 – São Paulo (SP)
comunicacao@mpsp.mp.br | Tel: (11) 3119-9027 / 9028 / 9031 / 9032 / 9039 / 9040 / 9095
espaço
espaço

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SÃO PAULO

Rua Riachuelo, 115 - São Paulo - CEP 01007-904 - PABX: 11 3119.9000

Horário de Atendimento: das 9h às 19h

Todos os direitos reservados

 
espaço