espaço

Friday , 28 de may de 2021

Promotores do Gaema criticam projeto que cria unidades regionais de saneamento básico

Eles apontam violação a instâncias regionais de gestão
Eles apontam violação a instâncias regionais de gestão

Os promotores de Justiça Alexandra Martins e Ivan Carneiro, do Grupo de Atuação Especial de Defesa do Meio Ambiente (Gaema), apresentaram uma série de críticas ao Projeto de Lei 251/2021, que tramita na Assembleia Legislativa e tem como objetivo  criar unidades regionais de saneamento básico, em cumprimento ao marco legal do setor.

 

O ponto central do argumentos dos membros do MPSP é que, da forma como as unidades foram desenhadas, há violação das instâncias regionais de gestão. Todos os 370 municípios atendidos pela Sabesp foram incluídos em uma única Unidade Regional de Água e Esgoto (Urae). No projeto, contrariando o estatuto da metrópole, pretende-se transferir a responsabilidade para planejamento e organização aos municípios que se associarem, quando na verdade deveria haver uma governança compartilhada entre Estado e municípios, com participação da sociedade civil, disseram os integrantes do Gaema.

 

interna gaema


Núcleo de Comunicação Social

Ministério Público do Estado de São Paulo - Rua Riachuelo, 115 – São Paulo (SP)
comunicacao@mpsp.mp.br | Tel: (11) 3119-9027 / 9028 / 9031 / 9032 / 9039 / 9040 / 9095
espaço
espaço

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SÃO PAULO

Rua Riachuelo, 115 - São Paulo - CEP 01007-904 - PABX: 11 3119.9000

Horário de Atendimento: das 9h às 19h

Todos os direitos reservados

 
espaço